IRMÃS OBLATAS AGRADECEM 13 ANOS DE PRESENÇA NA DIOCESE

Depois de 13 anos dedicados à missão no chão da Diocese de Oliveira, a Congregação das Irmãs Oblatas do Menino Jesus se despede do Povo de Deus dessa Igreja Particular. As religiosas foram chamadas pela Madre Geral para o retorno à Brasília, onde também possuem casa.

Na Diocese de Oliveira foram responsáveis por vários trabalhos, com destaque para o apoio à Catequese Diocesana e à Pastoral Vocacional. Os catequistas, inclusive, homenagearam as religiosas no dia 24 de agosto, no Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em Oliveira. Oportunidade em que o bispo diocesano, Dom Miguel Angelo Freitas Ribeiro, reforçou seu sentimento de gratidão e enalteceu o trabalho comprometido feito pelas irmãs.

No período em que atuaram na Diocese, foram 14 religiosas que passaram pela casa. Cada uma deixou sua marca e reforçou os laços de afeto com as comunidades. A Diocese agradece Ir. Divina , Ir. Glória, Ir. Marta, Ir. Zilma, Ir. Elizabete, Ir. Patricia, Ir. Elisângela, Ir. Silvia, Ir. Rosângela, Ir. Augusta, Ir. Jucieli, Ir. Francisca, Ir. Evanilda e Ir. Zélia.

As irmãs também manifestaram seu carinho em nota publicada a seguir:

“Oliveira, 09 de setembro de 2019.

‘Tudo para a glória de Deus e a salvação das almas

            Como não atender a este mandado de nossos Fundadores onde quer que nos enviem? Foi isto que aconteceu 13 anos atrás, quando a Congregação das Irmãs Oblatas do Menino Jesus atendeu ao pedido de Dom Jesus (então bispo desta Diocese) para abrir uma casa em Oliveira.

            Com entusiasmo, as irmãs procuraram conhecer o povo e o clero, para juntos trocarem conhecimentos, espiritualidade e experiências que conduziam ao trabalho pelo anúncio e desenvolvimento do Reino de Cristo nesta Igreja local. D. Jesus infelizmente nos deixou tão cedo, mas a Congregação continuou sua missão.

            Com um novo bispo, Dom Miguel, que, com sua simplicidade e paternidade espiritual – e conquistando a todos – confiou em nosso trabalho e a quem podíamos recorrer com segurança, caminhamos serenas e felizes por estarmos contribuindo com catequese, retiros, encontros, liturgia em Oliveira e missões em outras cidades.

            Foram anos de experiência e doação, onde, mais que doar, recebemos muito em exemplos e amizade de um povo com uma grande religiosidade, bastando pouco para fazê-lo entusiasmar-se pelo Cristo e seu Reino.

            Agradecemos a Deus por estes anos. Agradecemos a nossa Congregação na pessoa da nossa Madre Geral pelo envio a esta Diocese e agradecemos a D. Miguel, a todos os padres e a todas as pessoas com as quais convivemos nas pastorais e nas missões. Agradecemos também e, sobretudo, aos nossos benfeitores que sempre estiveram por perto quando mais precisávamos. Vocês só acrescentaram ao que de melhor podia existir em nossas vidas. Estaremos unidos na oração, sobretudo na Santa Missa, onde recebemos a Jesus Eucaristia que une e perpetua nossa amizade: “ o amor de Cristo nos uniu”.

            Mais uma vez nossos sinceros agradecimentos a todos e que não falte a reciprocidade da oração. Com gratidão deixamos nosso afetuoso abraço:                                                           

IRMÃS OBLATAS DO MENINO JESUS

QUEM SÃO AS IRMÃS OBLATAS

As Irmãs Oblatas se propõem a uma vida de Infância Espiritual, isso é, semelhante à Jesus e seu papel na Sagrada Família. Por isso procuram cultivar a inocência, a espontaneidade, a abertura, a sinceridade, a confiança, a retidão e a simplicidade que nasce da sabedoria divina.

A devoção ao Menino Jesus é traço marcante da espiritualidade vivenciada pelas religiosas. Cada uma tem sua imagem para as orações diárias.

O principal trabalho missionário é desenvolvido nas paróquias, centros sociais e apoio às Juventudes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *