MEMBROS DA PASTORAL DA EDUCAÇÃO PARTICIPAM DE RETIRO ESPIRITUAL

Pe. Júlio em confraternização com uma das lideranças da Pastoral da Educação

O Convento de Santa Cruz, em Campo Belo, acolheu, nos dias 18 e 19 de agosto, o Retiro para Educadores da Diocese de Oliveira. A atividade reuniu 15 participantes de seis paróquias, envolvidos na missão educacional e pastoral.

Com a ideia de oferecer um espaço de reflexão e espiritualidade, o retiro teve como texto iluminador o Evangelho da videira (João 15, 1-16). O texto, em que Jesus fala de si próprio como uma videira e compara seus seguidores aos ramos, propiciou ao grupo pensar sobre os frutos que tem gerado nos ambientes de atuação, sobretudo as escolas.

Para o assessor diocesano da Pastoral da Educação, Pe. Júlio César Evangelista OSC, o evangelho alimenta a mística de pertença a Cristo, contribuindo para que haja um discernimento das situações que afastem os membros de um caminho de fé, comparado aos galhos secos.

Grupo reflete iluminação bíblica durante retiro

“Como educadores nossos frutos também estão na vida com os alunos, famílias e comunidade escolar A imagem da vinha, da plantação de uva, ainda que meio distante para alguns de nós, é muito pertinente. O que significa plantar, cuidar, podar, adubar e irrigar para ter frutos; é algo dinâmico. Plantar e abandonar não funciona. É preciso uma contínua e permanente doação de vida mútua gerada pela união do discípulo com Jesus e Jesus com ele”, refletiu.

A próxima ação da Pastoral da Educação será o Encontro de Educadores, marcado para o dia 26 de Outubro, em São Francisco de Paula, com o tema: “Educadores: Sal da Terra, Luz do mundo!”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *