SANTO ANTÔNIO DO AMPARO FESTEJA PADROEIRO COM REFLEXÃO SOBRE MISSÃO DOS LEIGOS

Show pirotécnico recebe procissão de Santo Antônio de Pádua

Os fogos coloriram o céu de Santo Antônio do Amparo em mais uma festa do padroeiro, celebrada nesse 13 de junho. A multidão conduziu o andor florido com a histórica imagem do santo português. Mulheres, homens e crianças trajavam o burel franciscano em sinal de devoção. Neste cenário é que os devotos encerraram mais uma festa dedicada à Santo Antônio de Pádua, quando refletiram a missão dos leigos na Igreja e Sociedade.

Durante a trezena, iniciada em 30 de maio, os devotos acompanharam homilias voltadas ao Ano Nacional do Laicato: “Santo Antônio, inspirai-nos a ser Sal da Terra e Luz do Mundo”. Para o pároco, Pe. Claudiney Teixeira, a temática também contribuiu para exortar a comunidade a se envolver ainda mais com o trabalho pastoral e missionário. “Ficamos muito felizes, porque apareceram muitos interessados em contribuir no Serviço de Animação Vocacional, Movimento Serra Clube, Pastoral da Criança e Pastoral do Batismo”, anunciou durante o encerramento da missa do padroeiro. Durante os dias de oração, a paróquia convidou fiéis que ainda não estavam engajados em alguma pastoral ou movimento a contribuírem nesses serviços específicos, com destaque para a Pastoral da Criança, que será reiniciada.

Para os leigos já envolvidos nas diversas pastorais e movimentos os festejos também foram de trabalho e dedicação. Comidas típicas foram vendidas no trailler da paróquia, enquanto os festeiros leiloavam delícias caseiras nas barraquinhas. Teve até quadrilha, coordenada por José Maria Ferreira, que reuniu vários jovens na apresentação.

O bispo diocesano, Dom Miguel (centro), também participou dos festejos. À esquerda do bispo: Pe. Claudiney Teixeira. À direita: Pe. Pedro Carapina e Pe. Adenir dos Santos

A paroquiana Bernadete Dutra participou da comissão de organização dos festejos. Segundo ela, foram mais de 45 dias de trabalho, entre reuniões e trabalho direto na montagem de estruturas e preparação dos momentos orantes. “Como em todos os anos, a preparação foi muito bonita, porque onde há amor tudo se transforma”, refletiu. Ela ainda destacou o envolvimento de todos: “foram momentos de alegria e descontração em que fizemos novas amizades, pois todos estavam animados e envolvidos com a festa do padroeiro”.

Parte dos recursos arrecadados durante a festa será destinada à reforma do Santuário. O templo será fechado a partir de agosto, quando começa troca do telhado, reparos gerais e pinturas. As celebrações de missa ocorrerão nas principais capelas das comunidades.

 

Comunidades da Paróquia se organizam para homenagear o padroeiro

Detalhe da imagem de Santo Antônio de Pádua no altar mor

Outro momento em que o protagonismo leigo se fez presente foi na participação das comunidades em cada dia da trezena. Os moradores dos bairros e comunidades rurais se organizaram nos respectivos dias para caminharem em procissão até o Santuário.

Segundo Pe. Claudiney, o objetivo de contar com a participação especial das comunidades foi mostrar a importância de cada uma na organização pastoral da paróquia. Objetivo aproveitado pelas lideranças para organizarem uma série de homenagens ao padroeiro, sempre no momento da oração da trezena.

 

 

 

Procissão de cavaleiros e amazonas abre leilão de prendas vivas

Um dos momentos tradicionais da festa em honra a Santo Antônio é a procissão de cavaleiros e amazonas. O cortejo foi realizado no dia 10 de junho, quando saiu da Igreja de São Judas Tadeus em direção ao Parque de Exposições “José Gonçalves Lage”. Lá, houve benção dos animais e cavaleiros, além do leilão de prendas vivas em prol do Santuário. Tudo acompanhado da Lira Musical “Ulisses Tomaz”.

Texto: Vinícius Borges
Fotos: Show Pirotécnico (Uilian Avelar); Missa com Dom Miguel e Imagem do Padroeiro no altar (Romário Serafim); Demais fotos (Vinícius Borges)

CONFIRA MAIS FOTOS:

Casas e prédios públicos enfeitaram suas fachadas com estandartes de Santo Antônio

Fiéis veneram imagem após procissão e recebem pão abençoado

Pe. Claudiney incensa andor do padroeiro

Bazar do Movimento Serra Clube mostra talento dos artesãos amparenses

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *